Publicado em 03/01/2019 às 13h21.

Busca por oportunidades de trabalho movimenta unidades do Sinebahia

Vagas podem ser pesquisadas pelo aplicativo Sinefácil, disponível para Android e IOS, e nas redes sociais do Sinebahia

Redação
Foto: Secom/ GOVBA
Foto: Secom/ GOVBA

 

O saguão principal da Unidade Central do Serviço de Intermediação para o Trabalho (Sinebahia), localizada na Avenida ACM, em Salvador, ficou lotado, nesta quinta-feira (3), por quem deseja ingressar no mercado de trabalho, logo nos primeiros dias de 2019. Cerca de mil pessoas se dirigem à diariamente ao local.

O coordenador da Rede Sinebahia, Hildásio Pitanga, detalha a operação de intermediação. “Em verdade, a entidade promove o encontro do trabalhador com o empregador, por meio de um sistema de informação, que abriga o cadastro do trabalhador, com todas as informações pessoais e profissionais. Por outro lado, é disponibilizado o perfil das vagas captadas com as empresas e feito o cruzamento dessas informações, gerando o encaminhamento dos trabalhadores que atendam aos critérios de cada oportunidade”, diz.

Vagas

O serviço de intermediação oferece oportunidades para quem deseja o primeiro emprego e também para quem já acumula experiências, mas está fora do mercado de trabalho. As vagas podem ser pesquisadas pelo aplicativo Sinefácil, disponível para Android e IOS, e nas redes sociais do Sinebahia.

A entidade oferece vagas para todos os níveis de escolaridade e experiência, incluindo estágio e oportunidades para pessoas com deficiência. Além de promover a inserção de milhares de baianos no mercado de trabalho, o Sinebahia dispõe de serviços como emissão de carteira de trabalho, solicitação de seguro desemprego e inúmeros cursos de qualificação. “Temos o processo operacional de intermediação, em si, mas também ofertamos orientações, treinamentos, capacitação e qualificação, a fim de que o trabalhador se sinta mais preparado e, a partir daí, amplie as chances de ocupar essas vagas”, explica Hildásio.

O Sinebahia é um serviço executado pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte do Estado (Setre), em parceria com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), e possui 120 unidades espalhadas por todas as regiões do território estadual, sendo 12 somente na capital, e uma unidade móvel.

PUBLICIDADE
Temas: emprego , sinebahia