Publicado em 30/05/2019 às 10h34.

Campanha do MP alerta sobre perigo da guerra de espadas

Lançamento será na próxima segunda-feira (3); prioridade são municípios do Recôncavo Baiano

Redação
Foto: Reprodução/Bahia Recôncavo
Foto: Reprodução/Bahia Recôncavo

 

Uma campanha de conscientização e alerta sobre os perigos e consequências da guerra de espadas será lançada pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) na próxima segunda-feira (3). O evento, previsto para começar às 10h30, terá a participação da procuradora-geral de Justiça Ediene Lousado, na sede da órgão no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

De acordo com o MP, a campanha será trabalhada com mais ênfase nas cidades do Recôncavo Baiano, Cruz das Almas, Santo Antônio de Jesus, Sapeaçu, Muritiba, Cachoeira, Nazaré das Farinhas, Muniz Ferreira, São Felipe, São Felix, Castro Alves, além de Senhor do Bonfim e Campo Formoso.

Por meio da iniciativa, o órgão lembra aos cidadãos que “a vida vem antes da tradição” e que, conforme prevê a legislação, fabricar, possuir ou soltar espadas se configura como crime. A pena é de até seis anos de prisão.

PUBLICIDADE