Publicado em 08/01/2018 às 11h25.

Trindade confirma saída do PSL com chegada de Bolsonaro

Único representante da sigla na Câmara Municipal de Salvador, o vereador reafirma compromisso sair caso o ingresso do deputado federal se confirme

Fernando Valverde
Foto: Izis Moacyr/ bahia.ba
Foto: Izis Moacyr/ bahia.ba

 

A possível (e provável após o anúncio) filiação de Jair Bolsonaro ao PSL para a disputa do pleito presidencial deste ano causou uma “dança de cadeiras” dentro da bancada baiana do partido. Após a saída do deputado estadual Marcelo Nilo, que acertou com o PSB, o líder da oposição na Câmara Municipal, vereador José Trindade, confirmou que deixará a legenda com a confirmação da entrada do ex-PSC.

“Se o Bolsonaro entrar para o PSL, eu deixarei a sigla. Não compartilho com os conceitos dele e penso que seria uma traição ideológica continuar neste caminho”, afirmou o vereador ao bahia.ba. Único representante da sigla na Câmara de Vereadores, Trindade evitou falar sobre o possível ingresso em outro partido, e afirmou que analisará as opções disponíveis dentro da base aliada do governador Rui Costa.

Com a entrada do deputado federal fluminense no PSL, correntes e diretórios do partido começaram a sofrer debandadas, a exemplo da Livres, que deixou a sigla imediatamente após o anúncio de Bolsonaro.