Publicado em 18/04/2017 às 15h10.

Empresários querem que dono da Itaipava deixe comando da CervBrasil

Temperatura subiu na associação, que reúne Ambev, Brasil Kirin, Heineken, após a delação da Odebrecht

Redação
Foto: Carol Garcia/Secom
Foto: Carol Garcia/Secom

 

Depois de ex-funcionários da Odebrecht delatarem o uso do Grupo Petrópolis para repasses ilegais em campanhas eleitorais, os membros da CervBrasil pediram a renúncia do presidente da entidade, Walter Faria, proprietário da cervejaria, dona da marca Itaipava, segundo o colunista do jornal O Globo, Lauro Jardim.

De acordo com a publicação, a temperatura na entidade subiu nos últimos dias, mas os concorrentes não devem adotar medidas mais radicais contra Walter Faria. Preferem deixar a Receita Federal e a Justiça agirem.

A CervBrasil é uma associação que reúne Ambev, Brasil Kirin, Heineken e a própria Itaipava.