Publicado em 20/04/2017 às 20h00.

Operação Carne Fraca: Ministério Público denuncia 60 pessoas

Denunciados responderão pelos crimes de corrupção passiva, corrupção ativa, prevaricação, organização criminosa, entre outros

Redação
Foto: Agência Reuters
Foto: Agência Reuters

 

O Ministério Público Federal no Paraná denunciou nesta quinta-feira (20), no âmbito da Operação Carne Fraca, sessenta pessoas. Segundo o órgão, os acusados responderão por crimes como corrupção passiva, corrupção ativa, corrupção passiva privilegiada, prevaricação, concussão, violação de sigilo funcional, peculato, organização criminosa e advocacia administrativa.

A operação, deflagrada em março, apontou um esquema fraudulento envolvendo empresários de frigoríficos, fiscais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), entre outros.

A procuradoria levou cinco denúncias  à Justiça, e pediu ainda  a decretação de perda dos cargos públicos de todos os funcionários públicos federais presentes no esquema, confisco do produto direto e indireto da prática delituosa dos envolvidos e fixação de valor mínimo de reparação de danos.

PUBLICIDADE