Publicado em 10/02/2016 às 11h08.

Balanço: Índice de violência no Carnaval cai em relação a 2015

De acordo com o Secretário de Segurança Pública, instalação dos portões de revista foi diferencial para conter a violência nos circuitos

Redação

Em balanço divulgado na manhã desta quarta-feira (10) pelo governo do estado, o secretário de Segurança Pública Mauricio Barbosa, avaliou o sucesso na queda dos índices de violência no Carnaval em relação a 2015.

Segundo os dados, o carnaval de Salvador de 2016 registrou 6.7% menos tentativas de homicídios, 6.9% de lesões corporais e 3.% de roubos em comparação ao ano passado. Maurício, ressalta que a implantação dos 48 portais de segurança no circuito, foram essenciais para garantir esse resultado: “Segurança foi o maior investimento do governo, R$ 42 milhões, para garantir a tranquilidade do folião” disse o secretário.

Apreensões – Duas armas de fogo, 64 armas brancas e 354 objetos de potencial perigoso foram apreendidas durante a operação de Carnaval e apresentadas a imprensa durante o balanço. Foram registrados também, a prisão de 13 pessoas em flagrantes, de 42 conduzidas aa delegacias

Atendimentos – Segundo dados da Secretaria de Saúde, os atendimentos nas unidades de plantão decorrentes de arma de fogo cairam 80%  em relaçao ao carnaval de 2015. Das 155 vítimas de violência atendidas na rede hospitalar oriundas do circuito do carnaval, apenas três foram por arma de fogo. O maior número de atendimento foi relativo à agressões físicas,  com 90 registros e 17 ocorrências com armas brancas.

 

 

PUBLICIDADE
Temas: balanço , carnaval , sms , ssp , violencia

Mais notícias