Publicado em 14/02/2018 às 16h00.

Denny Denan e Àttooxxá botaram o chão para tremer no último dia do Carnaval

O último dia do Carnaval da Bahia, patrocinado pelo Governo do Estado, por meio da Bahiatursa, cumpriu aquilo a que se propôs: uma mistura de ritmos para alegrar o folião pipoca

Redação
Foto: Rosilda Cruz / Divulgação
Foto: Rosilda Cruz / Divulgação

 

O último dia do Carnaval da Bahia, patrocinado pelo Governo do Estado, por meio da Bahiatursa, cumpriu aquilo a que se propôs: uma mistura de ritmos para alegrar o folião pipoca, levando Denny Denan, Genard, Adriano Rezende e Guig Ghetto à Barra, e Baiana System, Àttooxxá e Teus Santos à Avenida.

Os circuitos Dodô e Osmar ferveram a partir da tarde de terça-feira, até a madrugada desta Quarta-feira de Cinzas, ao som do pagode, do axé e da batida eletrônica, dentre outros ritmos.

No circuito Barra-Ondina, Denny Denan mostrou que está construindo uma carreira bem pensada, ao comandar trio sem cordas com sucessos da época em que era vocalista da Timbalada, com novas músicas e clássicos como É d’Oxum e Já É Carnaval, Cidade.

Neste Carnaval, estreou com classe sua fase solo. Ontem, arrastou uma multidão a partir do Farol da Barra. No repertório novo, canções como Uepa e Dançadeira.

O cantor e compositor Genard estava super animado para agitar a pipoca da Barra. “Preparem as canelas que vamos amanhecer o dia”, foi o seu lema. Pesadão, Amor de Motel e Blá Blá Blá são algumas músicas do seu disco novo. A noite foi encerrada no Circuito Dodô por Adriano Rezende e Guid Ghetto.

Na Avenida, a banda BaianaSystem voltou a se apresentar tendo como convidado o cantor carioca BNegão. No repertório, sucessos como Playsom, Lucro e Capim Guiné.

Russo Passapusso e sua turma mostrou o carisma de sempre misturando estilos tendo como influências o ijexá, afoxé, dancehall, pagodão, sambareggae, cumbia, chula, dub, kuduro, samba duro, cantiga de roda e musica eletrônica.

Já o Àttooxxá entrou animada no Campo Grande, e, é claro, tocando seu hit Elas Gostam, também conhecida como Polpa da Bunda. Baiano radicado em Brasília, o cantor Teus Santos encerrou a noite. Ele começou a fazer sucesso nas redes sociais com músicas como Pipoca e Vai Pirar. Já teve parcerias com Léo Santana e Edcity.