Publicado em 06/12/2018 às 16h47.

Fim de ano movimenta varejo de hiper e supermercados

Itens mais procurados nesta época do ano são produtos sazonais, como nuts, panetones, cestas de natal, carnes, aves, pescados e bebidas (cervejas, espumantes, uísques)

Redação
Foto: Divulgação/Ibevar
Foto: Divulgação/Ibevar

 

A onda de crescimento nas vendas após a Black Friday continua mantendo o varejo otimista para o mês de dezembro.

No varejo de ‘Hiper e Supermercados’, de acordo com o Ibevar (Instituto Brasileiro de Executivos de Varejo e Mercado de Consumo), o setor contabiliza o dobro de crescimento, na comparação com os meses anteriores.

“Essa movimentação ocorre por conta das comemorações de fim de ano, em que as pessoas se programam para as compras de alimentos para as ceias de Natal e Ano Novo”, explica o diretor vogal da entidade, Nuno Fouto.

Os itens mais procurados nos super e hipermercados nessa época do ano são produtos sazonais, como nuts, panetones e cestas de natal, além de carnes, aves e pescados, bebidas (cervejas, espumantes, whiskies) e assessórios e complementos para a data.

A confiança do consumidor e a disposição em gastar também influenciam nesse cenário. Um fator que pode frear as compras de fim de ano é a restrição de renda dos consumidores.

“Quando aumenta essa restrição, primeiramente, há uma tentativa de trocar as marcas dos produtos, mas mantendo o consumo. Posteriormente, vem a substituição desses itens. Já com um maior otimismo e confiança no emprego, o consumidor responde com um aumento nas compras, principalmente das marcas que mais o atraem”, afirma Fouto.