Publicado em 15/04/2019 às 06h47.

Governo começa a discutir saídas para impasse do diesel

Após chegar dos EUA, Guedes tem reunião com Casa Civil para debater o preço do combustível

Redação
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

 

Após a repercussão negativa da intervenção do presidente Jair Bolsonaro na política de preços da Petrobras, o governo começa nesta segunda-feira (15) rodadas de reuniões para buscar uma solução para o impasse.

Repetir a subvenção é uma das opções que serão levadas a uma reunião com representantes da ANP (Agência Nacional do Petróleo), os ministros Paulo Guedes (Economia) e Bento Albuquerque (Minas e Energia), além do presidente da estatal, Roberto Castello Branco.

Segundo o jornal Folha de S. Paulo, o encontro será realizado no Palácio do Planalto e foi agendado pelo chefe da Casa Civil, Ony Lorenzoni. Também foi convocado o presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Joaquim Levy.

Sem repassar o aumento do custo do diesel ao consumidor, a Petrobras assume uma perda na operação e, por isso, pode ser alvo de contestação de acionistas no Brasil e no exterior.

PUBLICIDADE