Publicado em 08/11/2018 às 19h40.

IBGE prevê redução na produção de soja na Bahia em 2019

Produção deste ano foi beneficiada com chuvas, mas incertezas climáticas podem ser motivo de queda no próximo ano

Redação
Foto: Jonas Oliveira/ ANPr
Foto: Jonas Oliveira/ ANPr

 

A previsão da safra de grãos para o ano de 2019 feita pelo IBGE prevê queda de 15,7% na produção de soja na Bahia. As informações constam no Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA), divulgado nesta quinta-feira (8) pelo instituto.

Mesmo que esse primeiro prognóstico ainda não tenha dados consolidados por estado, a estimativa é de que produção baiana de soja seja de cerca de 5,3 milhões de toneladas, por volta de 900 mil toneladas menor que o recorde estimado para 2018, de 6.244.880 toneladas.

Isso se deve à previsão de redução de 17,8% no rendimento médio das lavouras de soja no estado, associada às incertezas climáticas. Em 2018, os produtores baianos foram beneficiados pelo clima mais chuvoso, mas não há garantia de que isso se repita em 2019.

Para o Brasil, o primeiro prognóstico para a safra 2019 de soja é de 116,6 milhões de toneladas, com recuo de 1 % em relação a 2018. A área a ser plantada com a leguminosa está prevista em 35,3 milhões de hectares.

Temas: Bahia , IBGE , produção , soja