Publicado em 09/11/2018 às 14h20.

Pessimismo dos empresários baianos diminuiu em outubro

Melhora do nível de confiança aponta progresso no indicador de dois dos quatro grupamentos de atividades: Serviços, com aumento de 29 pontos; e Comércio, com alta de 17 pontos

Redação
Foto: assessoria/Salvador Norte Shopping
Foto: assessoria/Salvador Norte Shopping

 

O Indicador de Confiança do Empresariado Baiano (ICEB), calculado pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), apresentou em outubro retração no pessimismo em comparação com setembro. O ICEB marcou -73 pontos no mês de outubro, melhora de seis pontos em relação ao registrado em setembro (-79 pontos). Em outubro, o índice completou duas altas seguidas e alcançou o maior nível de confiança desde maio último.

A expectativa geral do empresariado baiano, no entanto, continuou na zona de ‘Pessimismo Moderado’ – completando 26 meses seguidos nessa região. O último registro positivo do indicador ocorreu em abril de 2013.

A melhora do nível de confiança, captada na passagem de setembro a outubro, aponta progresso no indicador de dois dos quatro grupamentos de atividades: Serviços, com aumento de 29 pontos; e Comércio, com alta de 17 pontos.

Por outro lado, Agropecuária e Indústria recuaram 23 e 54 pontos, respectivamente. Indústria, Serviços e Comércio continuaram com indicadores negativos, revelando pessimismo.

A Agropecuária continuou com a melhor pontuação entre os setores pela sexta vez seguida. A Indústria exibiu o maior recuo da confiança em outubro, voltando a mostrar indicador negativo após um mês. A atividade de Serviços apresentou a maior alta da confiança entre os setores e deixou o posto de mais pessimista.

Por fim, mesmo com aumento da confiança no mês, o setor de Comércio ficou no posto de mais pessimista.

Do conjunto de itens avaliados, crédito, PIB estadual e PIB nacional foram aqueles com as piores expectativas do empresariado baiano no mês. Em contrapartida, inflação, vendas e câmbio apresentaram os indicadores de confiança em melhor situação.

O boletim completo com as análises referentes ao mês de outubro pode ser acessado diretamente do site da SEI clicando aqui.