Publicado em 01/02/2018 às 17h20.

Previdência perde 1,1 milhão de contribuintes em 2017

Dado é do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O ano fechou com 33,3 milhões de trabalhadores sem emprego

Redação
Reprodução
Reprodução

 

A alta na taxa de desempregos em 2017 gera diversos impactos na economia brasileira. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o número de contribuintes da Previdência Social caiu de 59,21 milhões em 2016, para 58,114 milhões na média anual.

Os dados são do levantamento da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua, que indicou recorde da taxa de desemprego em 2017 (12,7%) desde 2012.

O número corresponde a todas as pessoas ocupadas, com carteira assinada ou não, empregadores e autônomos. É o segundo ano seguido com queda no número de contribuintes, de acordo com o G1. O ano de 2017 fechou com 33,3 milhões de trabalhadores sem emprego.

Enquanto isso, o Governo se articula em busca da aprovação da reforma da Previdência, e que garante ser uma das soluções para a crise financeira no Brasil.

Mais notícias