Publicado em 25/09/2018 às 09h17.

ACM Neto diz que Fernando Haddad ‘já está no segundo turno’

Na oportunidade, o presidente nacional do DEM destacou que Geraldo Alckmin venceria o petista no segundo turno

Matheus Morais
Foto: Jéssica Galvão/ bahia.ba
Foto: Jéssica Galvão/ bahia.ba

 

O prefeito de Salvador e coordenador nacional da campanha do tucano Geraldo Alckmin à Presidência da República, ACM Neto (DEM), afirmou nesta terça-feira (25) que o petista Fernando Haddad já está no segundo turno da corrida pelo Palácio do Planalto.

“As pessoas que não querem o PT têm que acordar pra seguinte realidade: se votar em Bolsonaro, no segundo turno ele perde pra Haddad”, disse em entrevista à rádio Metrópole.

Na oportunidade, o presidente nacional do DEM destacou que Alckmin venceria Haddad no segundo turno. Contudo, o tucano não consegue decolar nas pesquisas de intenções de votos. Na do Ibope, divulgada nesta segunda-feira (24), aparece apenas com 8%.

“Já Geraldo Alckmin ganha [de Bolsonaro]. As pesquisas mostram isso. Então, não tenho absolutamente nada do ponto de vista pessoal contra Bolsonaro, a questão não é essa, a questão é: olhando o quadro hoje muitas pessoas se aproximaram do Bolsonaro não porque simpatizam, mas porque querem derrotar o PT. Mas votar em Bolsonaro pode significar o retorno do PT à presidência”.

Neto atribuiu o crescimento do ex-ministro da Educação à força do PT no Nordeste.

“Acho que vai ter mais de 35% dos votos válidos aqui. Sempre nós olhamos que a tendência é que um campo político, o campo da esquerda ou centro esquerda, colocasse um nome, aí você tem duas alternativas, Haddad ou Ciro Gomes (PDT), e o campo da direita ou centro direita, Alckmin e Bolsonaro. Haddad veio comendo os votos da Marina e ele começa a tirar os votos do Ciro, Bolsonaro estacionou”, salientou.

Mais notícias