Publicado em 09/07/2018 às 08h36.

Alice: PCdoB ainda espera definição de Rui sobre suplência

Os comunistas devem ficar com a suplência do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Angelo Coronel (PSD)

Matheus Morais
Foto: Mateus Soares/ bahia.ba
Foto: Mateus Soares/ bahia.ba

 

Garantida como pré-candidata à reeleição de deputada federal, Alice Portugal afirmou ao bahia.ba que o PCdoB ainda aguarda uma resposta do governador Rui Costa (PT) sobre a possibilidade do partido assumir uma das vagas de suplência para o Senado na chapa majoritária.

Os comunistas devem ficar com a suplência do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Angelo Coronel (PSD), já que o PSB, de Lídice da Mata, tem prioridade para ocupar a suplência do ex-governador Jaques Wagner (PT), depois que a senadora foi excluída da chapa.

“O PCdoB tem suas aspirações desde a primeira hora, mas participa dessas conversações e aguarda palavra final do governador sobre isso. Mas quem tem tratado disso, efetivamente, é o presidente do partido, Davidson Magalhães”, disse.

No tradicional Cortejo do 2 de Julho, Rui Costa ressaltou ao bahia.ba que não tem pressa em definir os nomes que ocuparão as suplências. Na semana passada, o governador desconversou sobre o assunto.

Já o ex-presidente do PCdoB, o deputado federal Daniel Almeida disse que estranha a demora do petista para escolher o nome dos suplentes.

Na oportunidade, Alice ainda negou que haja um clima de “já ganhou” na base governista, devido à ampla vantagem de Rui Costa sobre José Ronaldo (DEM) nas pesquisas.

“Está todo mundo focado, um time entrosado e muito empenhado em fazer uma bancada forte para esse governador que é mesmo correria”, finalizou.

Mais notícias