Publicado em 06/09/2018 às 15h07.

Ciro ainda vem à Bahia durante campanha, afirma aliado

Entre os principais presidenciáveis, pedetista é o único a não ter palanque no estado

Rodrigo Aguiar
Foto: Murilo Silva/ CAPOL
Foto: Murilo Silva/ CAPOL

 

Único a não ter palanque na Bahia entre os principais presidenciáveis, o pedetista Ciro Gomes ainda virá ao estado até o final da campanha, disse o deputado federal Félix Mendonça Jr, presidente do PDT baiano.

O parlamentar disse que negocia uma agenda de Ciro na Bahia com o presidente nacional da legenda, Carlos Lupi, mas ainda não há uma data definida.

O presidenciável iniciou um giro pelo Nordeste. Nesta quinta-feira (6), desembarcou em Aracaju (SE).

Em pesquisa BTG/FSB divulgada no começo da semana, o pedetista aparece como um dos principais herdeiros dos votos de Lula.

Ciro apareceu empatado tecnicamente com Marina Silva (Rede) e Geraldo Alckmin (PSDB) em levantamento do Ibope divulgado nesta quarta-feira (5), atrás apenas de Jair Bolsonaro (PSL).

Nos últimos dias, o candidato do PDT voltou a adotar um estilo mais combativo, ou agressivo, pelo qual é conhecido e criticou adversários.

Chamou Jair Bolsonaro (PSL) de “projetinho de Hitlerzinho tropical” e disse que Geraldo Alckmin (PSDB) “deixa roubar”. Além disso, afirmou não fazer parte “dessa esquerdinha boboca que fica alisando bandido”.

Mais notícias