Publicado em 10/10/2018 às 10h05.

‘Que tenho a ver com isso?’, questiona Bolsonaro sobre morte de capoeirista

Candidato do PSL lamentou o caso mas afirmou que não tem controle sobre seus "milhões" de apoiadores

Redação
Foto: Facebook/ arquivo pessoal
Foto: Facebook/ Arquivo pessoal

 

O candidato Jair Bolsonaro se manifestou sobre a morte do mestre Moa do Katende, assassinado a golpes de faca após uma discussão política com um apoiador do presidenciável do PSL. O capitão lamentou o ocorrido mas questionou: “Que tenho a ver com isso?”.

” Ocara tem uma camisa minha ,comete um excesso, o que é que eu tenho a ver com isso?Eu peço ao pessoal que não pratique isso, mas que eu não tenho o controle sobre milhões e milhões de pessoas que me apoiam”, argumentou Bolsonaro.

Antes de responder, provocou o jornalista: “A pergunta não tinha que ser invertida não? Quem levou a facada fui eu”. Para finalizar, o capitão reformado disse que a “intolerância” vem do “outro lado”.

“Agora a violência vem do outro lado, a intolerância vem do outro lado. Eu sou a prova – graças a Deus viva – disso daí”, completou.