Publicado em 11/08/2017 às 13h11.

Na lista dos mais vendidos, desaparecido do Acre volta para casa

Suspeito de fraudar o próprio desaparecimento para impulsionar as vendagens, Bruno Borges será ouvido pela polícia em breve

James Martins

O estudante de psicologia Bruno Borges, mais conhecido como o “desaparecido do Acre”, voltou para casa na manhã desta sexta-feira (11), após quase cinco meses desaparecido. A informação foi confirmada pelo pai do jovem, o empresário Athos Borges.

Segundo o empresário, o filho está bem e a família aliviada com o retorno. Porém, Bruno, que viralizou em todo o país ppor sua história envolvendo alienígenas, filósofos, marketing e muito mais, não deve ficar na casa dos pais devido à busca de curiosos que farão do local uma espécie de campo migratório.

“Nesse momento não vamos comentar muito. Ele já não vai ficar mais em casa, tem muita gente vindo aqui. Ele vai ficar em outro lugar, ele voltou sozinho. Isso é tudo que podemos falar”, disse o pai, em entrevista ao G1.

O delegado Alcino Júnior, que investiga o caso, declarou que já entrou em contato com a família e que Bruno deve ser ouvido nos próximos dias: “Não vamos ouví-lo hoje, pois esse é um momento de ele se reencontrar com a família”.

O primeiro dos 14 livros de Borges entrou para a lista dos mais vendidos no segmento “não ficção”, entre 24 e 30 de julho, segundo ranking do site PublishNews, construído a partir da soma das vendas de todas as livrarias pesquisadas.

Segundo a editora, a segunda obra do jovem já tem data para lançamento. “TAC: Teoria da Absorção do Conhecimento” (Arte e Vida) tem 191 páginas nas quais o autor faz grande esforço para explicar sua criação. Ele é suspeito de fraudar o próprio sumiço para impulsionar as vendagens.

PUBLICIDADE