Publicado em 11/01/2017 às 15h15.

Natalie Portman conta que ganhou três vezes menos que Kutcher em filme

"Temos um problema óbvio em relação às mulheres não terem oportunidades. Temos que fazer parte da solução, e não perpetuar o problema", falou

Redação
Foto: Reprodução/Jets
Foto: Reprodução/Jets

 

A atriz Natalie Portman contou, em entrevista à revista Marie Claire britânica, que Ashton Kutcher, seu colega no filme “Sexo Sem Compromisso”, recebeu remuneração três vezes maior que a dela para interpretar seu papel.

“Eu sabia disso e deixei rolar porque há essa coisa com ‘cotas’ em Hollywood. A cota dele era três vezes maior do que a minha, então disseram que ele deveria receber três vezes mais. Eu não estava tão brava quanto deveria ter ficado. Digo, nós somos muito bem pagos, por isso é difícil reclamar, mas a disparidade é uma loucura”, revelou.

Segundo o “The Guardian”, a cota à qual ela se refere é uma maneira de atribuir valores aos atores em Hollywood. Por esta lógica, Ashton Kutcher era mais cotado – custava mais – que Natalie.

A atriz fez a revelação ao falar sobre seu próximo filme, “On The Basis of Sex”, no qual interpreta Ruth Bader Ginsberg, a primeira judia e a segunda mulher a ser nomeada juíza na Suprema Corte dos Estados Unidos.

“Em comparação com os homens, na maioria das profissões, as mulheres ganham 80 centavos por dólar. Em Hollywood, estamos fazendo 30 centavos por dólar. Não acho que mulheres e homens são menos ou mais capazes. Só temos um problema óbvio em relação às mulheres não terem oportunidades. Temos que fazer parte da solução, e não perpetuar o problema”, concluiu.

PUBLICIDADE