Publicado em 19/01/2019 às 14h00.

Roger Federer é proibido de entrar em vestiário por estar sem credenciais

Atual número 3 do mundo foi barrado por segurança durante Aberto da Austrália

Redação
Foto: Bai Xuefei/Xinhua
Foto: Bai Xuefei/Xinhua

 

O tenista suíço Roger Federer foi barrado ao tentar entrar no vestiário masculino. Atual número três no ranking mundial, ele foi barrado por seguranças por não estar com credencial em mãos.

A situação ocorreu neste sábado (19), durante o Aberto da Austrália.

De acordo com informações da Folha, atleta recordista em títulos de Grand Slam, considerado um dos maiores tenistas da história, precisou esperar o restante de sua equipe do lado de fora da porta.

Com a chegada do técnico Ivan Ljubicic e do preparador físico, Pierre Paganini, que mostrou sua credencial e trocou algumas palavras com o segurança, o acesso de Federer finalmente foi liberado.

Já classificado para as oitavas de final do torneio, Federer enfrenta o grego Stefanos Tsitsipas, número 15 do ranking mundial, no domingo (20).