Publicado em 02/02/2019 às 17h56.

Defensoria forma lista tríplice para defensor público geral

Após a escolha dos defensores através de votação, o governador nomeará ao cargo um dos indicados

Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

Com os votos de 318 defensores públicos, a lista tríplice para o cargo de defensor público geral do Estado da Bahia (biênio 2019/2021) foi composta por Tereza Almeida, Rafson Ximenes e Soraia Ramos. Os três nomes serão encaminhados para o governador Rui Costa, que escolherá e nomeará o novo dirigente da Defensoria Pública do Estado da Bahia (DPE/BA). A votação aconteceu na última sexta (01) na sede administrativa da instituição.

A defensora Tereza Almeida, com 164 votos válidos, foi a mais votada. O segundo colocado foi Rafson Ximenes, que obteve 157 votos, 30 a frente da terceira colocada, Soraia Ramos, com um total de 127 votos. A candidata Mônica Aragão teve 113 votos, ficando de fora da lista.

O governador da Bahia, Rui Costa, deve receber a lista até 6 de fevereiro e terá o prazo de 15 dias para fazer a nomeação. O novo gestor tomará posse em 2 de março para o mandato de dois anos, permitida apenas uma recondução.