Publicado em 10/05/2017 às 20h45.

Assembleia Assina convênio com Hospital Aristides Maltez

Valor de R$ 8 mil mensal será aplicado na manutenção do hospital, que é referência nacional no tratamento do câncer e atende diariamente a cerca de 3,5 mil pacientes do SUS

Redação
Foto: Vaner Casaes / AL-BA
Foto: Vaner Casaes / AL-BA

 

Em solenidade realizada nesta terça-feira (10) no Hospital Aristides Maltez, o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Ângelo Coronel, assinou, junto com o presidente da Liga Bahiana Contra o Câncer, o médico Aristides Maltez Filho, convênio, no valor de R$ 8 mil mensal, para manutenção do hospital que é referência nacional no tratamento do câncer e atende diariamente a cerca de 3,5 mil pacientes do SUS, oriundos – em 2016 – de 394 municípios e também de outros 13 estados brasileiros.

Além de Coronel, outros nove parlamentares participaram da solenidade no HAM e sobrescreveram autorizações para doações pessoais: o vice-presidente da AL-BA, Luiz Augusto (PP); o líder do governo, Zé Neto (PT); e os deputados Alex Lima (Podemos), Sandro Régis (DEM), Aderbal Caldas (PP), Luciano Simões Filho (PMDB), Ivana Bastos (PSD), Samuel Júnior (PSC) e Ângela Sousa (PSD). Representando a organização Assembleia de Carinho, além das já referidas parlamentares, estavam presentes Eleusa Coronel e Ariene Couto.

“Essa iniciativa retoma uma prática que remonta à gestão do senador Otto Alencar na presidência da Alba, entre 1995/1997. Muito mais que o valor financeiro – limitado, porque não somos um Poder capaz de gerar receita própria – ele simboliza o apoio que a AL-BA deseja emprestar ao Aristides Maltez, sempre carente de recursos para pagamento das despesas correntes, além de investimentos em pesquisa”, explica Coronel. Os repasses do SUS ao Maltez chegam a R$9,5 milhões mês, enquanto as despesas são de R$ 12,5 milhões.

“Quero destacar que esse é verdadeiramente um momento histórico para o Hospital Aristides Maltez, pela presteza e pela resposta objetiva do poder público, especialmente da Assembleia Legislativa da Bahia. Outros aqui já estiveram, já nos ajudaram, mas não com esse empenho e com essa espontaneidade. O gesto da Alba tem uma dimensão que ultrapassa o simples reconhecimento”, destacou Maltez Filho.

De acordo com Coronel, o hospital funciona com déficit mensal da ordem de R$ 2,5 milhões, que precisa ser financiado com o apoio da comunidade baiana. “Além do convênio com a Alba, estamos mobilizando diretamente os deputados para que possamos aumentar as contribuições das prefeituras municipais baianas, hoje em apenas 85. A nossa meta é chegar a 210 prefeituras – de um total de 417 municípios – contribuindo com R$ 1,1 mil reais cada”, diz o presidente da Casa.

O Hospital Aristides Maltez possui 10,5 mil pessoas físicas cadastradas que contribuem mensalmente para sua manutenção, através do programa Sociedade Solidária Contra o Câncer, gerando receita de aproximadamente R$ 450 mil. A ajuda pode ser feita a partir de R$ 50 mensal, e a meta é de ampliar esse número, em 2017, para 15 mil.

Após 20 anos – A iniciativa para que a AL-BA voltasse a contribuir para o Hospital Aristides Maltez foi do programa Assembleia de Carinho, que reúne as parlamentares e as mulheres dos deputados estaduais, sob a coordenação de Eleusa Coronel. “Nossa intenção é dar o exemplo, para que outras instituições, públicas e privadas, façam o mesmo. Temos mais é que apoiar, porque o Aristides possui 232 leitos, além de UTI e um setor de pediatria, exclusivos para o tratamento oncológico de 100% de pessoas do Sistema Único de Saúde, SUS”, diz Eleusa Coronel.

“A AL-BA vive realmente um novo tempo. A presença de Eleusa Coronel com a Assembleia de Carinho deu uma dimensão humana à nossa Casa Legislativa. Ficamos muito focados nos assuntos do parlamento e esquecemos de dar a atenção a outras coisas que são tão importantes quanto fazer leis. Esse ato no HAM é uma reparação”, destacou o 1º secretário Sandro Régis, no que foi secundado pelo vice-presidente Alex Lima, destacando também o trabalho das deputadas e das esposas dos deputados, através da Assembleia de Carinho, para impulsionar essa boa ação.

O deputado Luciano Simões Filho elogiou a iniciativa e disse que o novo momento porque passa a Assembleia se traduz em atitudes como essas. “Passaram-se 20 anos para que a Alba retomasse esse convênio. E eu me pergunto: por quê? O valor é pequeno, mas como ressaltou o médico Aristides Maltez Filho, o hospital vive do somatório de todos os esforços. Há um componente muito importante nesta ação: tornar mais visível e engajar mais pessoas nesta causa”, declarou Simões Filho.

Depoimentos como os de Ângela Sousa, Ivana Bastos, Samuel Junior e Aderbal Caldas emocionaram os presentes. Eles relembraram casos pessoais, em que familiares ou pessoas muito próximas tiveram câncer e foram acolhidos e tratados com dignidade e competência pelo Aristides Maltez, único hospital da Bahia com o selo Centro de Alta Complexidade em Oncologia, permanecendo como maior responsável pelo atendimento nesse ramo da medicina na área pública ou filantrópica.

“Apesar de todas as dificuldades enfrentadas pelo Aristides Maltez, é uma unidade de referência para o tratamento do câncer e recebe doentes de todos os municípios baianos. Nós vamos mobilizar os prefeitos para que possamos aumentar as contribuições das prefeituras municipais, hoje em apenas 85. A nossa meta já é a de superar a meta que nós estabelecemos, que é de 210 prefeituras”, exultou a deputada Ivana Bastos.

PUBLICIDADE