Publicado em 10/10/2017 às 09h40.

Califórnia: incêndios deixam 10 mortos e 30 mil desabrigados

Balanço foi divulgado nesta segunda-feira (9); mais de 1,5 mil casas destruídas. Casos são recorrentes nesta época do ano

Redação

Cerca de 10 pessoas morreram e 30 mil ficaram desabrigadas após incêndios que começaram neste fim de semana, no norte da Califórnia. O balanço foi divulgado nesta segunda-feira (9). A região é conhecida por suas famosas vinícolas, que representam parte da economia local.

Mais de 1,5 mil casas foram destruídas e 100 feridos receberam atendimento por queimaduras, ou inalação da fumaça, a maior parte delas nos condados de Napa e Sonoma, ao norte da baía de São Francisco. O governador da Califórnia, Jerry Brown, declarou estado de emergência .

Desde domingo, o cheiro de fumaça atinge fortemente São Francisco. Autoridades recomendaram que crianças, idosos e asmáticos, principalmente, evitem sair de casa enquanto a situação não volta ao normal.

Por causa da forte onda de calor e dos ventos, casos assim não são raros nesta época do ano. No pior incidente registrado nos últimos anos, 2,8 mil casas ficaram destruídas em 2003, em San Diego. Mais recentemente, em 2007, o fogo acabou com 1,6 mil residências. Todos os casos aconteceram no mês de outubro.