Publicado em 06/12/2015 às 18h59.

Direita extrema é favorita nas eleições regionais francesas

A Frente Nacional superou com vantagem a oposição e o Partido Socialista

Redação
Marine Le Pen, da direita extrema lidera 1º turno das eleições regionais francesas
Direita extrema lidera 1º turno das eleições regionais francesas

A Frente Nacional (FN) direita extrema, venceu com vantagem a oposição de direita e o Partido Socialista em três regiões-chave da França, no primeiro turno das eleições regionais francesas, realizado neste domingo (6). O segundo turno das eleições regionais francesas acontece no próximo domingo (13).

Pesquisas mostram que a FN obteve um resultado recorde, com 29,5% a 30,8% dos votos em nível nacional, seguida da direita (27% a 27,4%) e do Partido Socialista (22,7% a 23,5%).

O partido liderado por Marine Le Pen, candidata em Pas de Calis-Picardia, está na frente em pelo menos seis das 13 regiões da França. No norte, onde ela é a candidata, no sudeste (Provence-Alpes-Côte d’Azur), onde sua sobrinha Marion Maréchal Le Pen e a candidata; e no nordeste (Alsácia-Champagne-Ardène-Lorena), onde a candidatura é a do vice-presidente do partido, Florian Philippot. Marine Le Pen comemorou, em nota, o que  considerou um “resultado magnífico”.