Publicado em 11/05/2018 às 12h40.

Egito abre por quatro dias fronteira com a Faixa de Gaza

O embaixador palestino Diab Al Loh, após a decisão das autoridades egípcias, comentou que a medida "alivia o sofrimento do povo palestino"

Redação
Foto: I. A. Mustafa/Reuters
Foto: I. A. Mustafa/Reuters

 

A fronteira entre o Egito e a Faixa de Gaza será aberta por quatro dias a partir deste sábado (11), de acordo a determinação da Embaixada da Autoridade Nacional Palestina no Cairo. A passagem fronteiriça fica em Rafah e possibilita o trânsito de palestinos.

O embaixador palestino Diab Al Loh, após a decisão das autoridades egípcias, comentou que a medida “alivia o sofrimento do povo palestino”.

A ação vista diminuir as duras condições de vida dos mais de 2 milhões de palestinos que residem na região litorânea. O trânsito de pessoas e mercadorias é limitado por Israel desde 2007, quando o movimento islamita Hamas – considerado grupo terrorista – tomou o poder em Gaza pela força.