Publicado em 03/02/2019 às 16h00.

EUA estão mobilizando e transportando ajuda à Venezuela, diz assessor de Trump

Líder opositor Juan Guaidó havia dito no sábado que auxílio chegaria via Brasil, Colômbia e Caribe

Redação
Foto: Peter Foley/ EPA | Lusa | EBC
Foto: Peter Foley/ EPA | Lusa | EBC

 

Os Estados Unidos estão mobilizando e transportando ajuda humanitária à Venezuela, conforme anunciou o conselheiro de Segurança Nacional americana, John Bolton. A ajuda ocorre por meio da Usaid (Agência dos EUA para o Desenvolvimento Internacional), a pedido do líder opositor Juan Guaidó.

O reforço será enviado para o país nas fronteiras da Venezuela com o Brasil e com a Colômbia e em uma ilha não identificada no Caribe.

“Hoje anunciamos uma coalizão mundial pela ajuda humanitária e a liberdade na Venezuela. Já temos três pontos de apoio para a ajuda humanitária: Cúcuta (Colômbia) e farão outros dois, um ficará no Brasil e outro em uma ilha do Caribe”, afirmou o opositor durante manifestação contra o regime do ditador Nicolás Maduro em Caracas.

Guaidó é presidente da Assembleia Nacional e fez juramento em janeiro como presidente encarregado do país, baseando-se no argumento de que as eleições que deram novo mandato a Maduro foram fraudulentas. Com informações da Folha.