Publicado em 07/07/2018 às 15h30.

Protesto contra aumento de combustíveis acaba com mortos no Haiti

Pelo menos três pessoas morreram durante os confrontos; aumento na gasolina foi de 49%

Redação
Foto: Reprodução/AFP
Foto: Reprodução/AFP

 

Um protesto na capital do Haiti contra forte aumento nos preços dos combustíveis anunciado pelo governo acabou com mortos neste sábado (7).

Pelo menos três pessoas morreram e dezenas ficaram feridas. Autoridades também confirmaram incêndios em vários postos de combustíveis e outros bens privados.

Porto Príncipe se mantém praticamente paralisada devido ao bloqueio nas ruas, queima de pneus e enfrentamentos entre polícia e manifestantes.

O aumento no preço da gasolina foi de 49%, no diesel 40% e mais 50% no querosene, este último muito utilizado para iluminar as casas hiatianas de amplos setores de pouco poder aquisitivo.