Publicado em 10/02/2018 às 18h00.

Síria derruba caça israelense que participava de operação contra Irã

Aeronave caiu neste sábado, no Vale do Jordão, norte de Israel. Os dois pilotos conseguiram escapar com vida, e foram levados ao hospital

Redação
Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter

 

Um caça israelense que participava de operação contra alvos iranianos, foi derrubado pelo sistema de defesa antiaérea da Síria neste sábado (10). Os dois pilotos conseguiram escapar, e foram resgatados e levados a um hospital.

O avião, F16, atacava em represália ao envio de um drone do Irã, ao norte de Israel. Ele e outros dezessete caças destruíram as instalações de Palmira, local de onde teria partido o drone, que foi interceptado por um helicóptero, no Vale do Jordão, de acordo com o El País.O Exército Sírio afirma que o ataque foi uma resposta à “agressão” contra uma base militar.

É a primeira aeronave israelense derrubada desde 2006. Naquele ano, Israel travou uma guerra contra a guerrilha pró-iraniana, Hezbollah. Anteriormente, já havia derrubado aviões não tripulados, identificados como do Irã.

Em tese, Israel continua em estado de guerra com a Síria desde 1949, quando assinou um acordo de paz com os países árabes que eram contrários a criação do Estado judaico.