Publicado em 11/01/2017 às 10h50.

Receita Federal retém R$ 1,8 mi do Fundo de Participação do Município

Gestão anterior não fez o repasse do INSS dos servidores municipais à Previdência Social

Redação
Foto: Divulgação/ Prefeitura de Alagoinhas
Foto: Divulgação/ Prefeitura de Alagoinhas

 

A Receita Federal reteve o repasse de R$ 1,8 milhão do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) do município de Alagoinhas, região nordeste do estado, por falta de pagamento da antiga gestão do INSS dos servidores. Conforme a prefeitura, a gestão anterior descontou em folha a contribuição do imposto do mês de novembro de 2016, mas não repassou os recursos à Previdência Social.

“A retenção do FPM de janeiro compromete seriamente a vida financeira da Prefeitura de Alagoinhas e não existe mágica nas finanças. A solução para este problema só poderá vir do corte de despesas. Agora, mais do que nunca, o Executivo não pode gastar”, informou por nota o secretário municipal da Fazenda, Daniel Grave.

Grave explica ainda que além de não ter repassado o INSS de novembro, a gestão anterior também não repassou à Previdência Social o INSS dos servidores recolhido no 13º salário e no mês de dezembro de 2016.

A gestão anterior do município era do pedetista Paulo Cézar (PDT) e foi assumida em 1º de janeiro pelo democrata Joaquim Neto. Na primeira semana do mês, foram encontrados papéis da prefeitura queimados atrás de prédio de uma das secretarias. Caso é investigado.