Publicado em 17/05/2017 às 17h40.

Caminhoneiro que atropelou triatleta diz que não prestou socorro por ‘medo’

José Ferreira será indiciado, inicialmente, por homicídio culposo, quando não há intenção de matar; a vítima tinha 54 anos e pedalava com amigos no momento do acidente

Redação

O caminhoneiro que atropelou e matou o triatleta Valnei Passos Almeida, de 54 anos, e depois fugiu do local do acidente, na cidade de Feira de Santana, na terça-feira (16), afirmou à polícia, nesta quarta (17), que não parou o veículo por medo de ser agredido pelos amigos da vítima.

De acordo com a Polícia Civil, José Ferreira atua como motorista há mais de 30 anos e há nove presta serviço para uma empresa de terraplanagem. Ele alega que não viu o ciclista, que pedalava com amigos, no momento do acidente.

José Ferreira será indiciado, inicialmente, por homicídio culposo, quando não há a intenção de matar.

PUBLICIDADE