Publicado em 19/06/2018 às 18h20.

Homem confessa que matou jovem asfixiada em tentativa de estupro

A revelação se deu quatro meses depois do crime; a adolescente de 16 anos desapareceu no dia 18 de fevereiro

Redação
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

 

A polícia prendeu na manhã desta terça-feira (19) o homem que matou Bruna Nascimento, de 16 anos, na cidade de Feira de Santana. A adolescente desapareceu no dia 18 de fevereiro, após sair de casa para um encontro no shopping da cidade. Seu corpo só foi encontrado dois dias depois, dentro de um saco plástico.

O agressor foi identificado nesta semana, cerca de quatro meses depois do crime, quando saiu o resultado do exame de DNA. Os traços de Gilmar Dantas dos Santos foram encontrados nas unhas da vítima, conforme esclareceu a Polícia Civil.

Após ter mandado de prisão preventiva cumprido, Gilmar confessou o crime. Ele disse que asfixiou a vítima durante uma tentativa de estupro destro da casa dele, na mesma rua em que parentes da adolescentes moram.

Em relato à polícia, Gilmar detalhou que a jovem teria pedido o celular dele emprestado para fazer uma ligação e foi convidada para entrar na casa. No imóvel, ela foi atacada e tentou resistir.

 

Gilmar Dantas dos Santos já responde por estupro na cidade de Conceição do Jacuípe, próximo a Feira. Ele será encaminhado para o sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.