Publicado em 16/03/2018 às 21h20.

Uma roça com dez mil pés de maconha é destruída pela polícia

Os responsáveis foram identificados, mas conseguiram fugir; a plantação iria gerar, segundo a polícia, meia tonelada do entorpecente

Rayllanna Lima
Foto: Divulgação/Polícia Civil
Foto: Divulgação/Polícia Civil

 

Uma roça com aproximadamente 10 mil pés de maconha foi erradicada, nesta sexta-feira (16), na cidade de Central, interior da Bahia. É a segunda vez que policiais daquela região encontram uma plantação da droga neste mesmo local, no povoado de Caldeirãozinho.

Segundo o delegado Michael Alves, titular da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE/Irecê), unidade subordinada ao Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), o plantio iria gerar meia tonelada da droga, que seria comercializada na região.

Os responsáveis pelo cuidado da plantação, José Carlos Alves de Souza, Edilson Antônio de Souza e Cícero Antônio de Souza, conseguiram fugir, mas estão sendo procurados pela polícia.

Um veículo, modelo Voyage, foi apreendido, assim como insumos para o cultivo da droga. Investigadores da Delegacia Territorial (DT) de Central também participaram da ação.