Publicado em 30/08/2016 às 17h40.

Câmara de Salvador aprova Viva Cultura

Ainda na sessão desta terça-feira foram aprovados 88 projetos de lei, requerimentos, indicações e moções requeridas pelos vereadores

Redação
Foto: Antônio Queirós/ CMS
Foto: Antônio Queirós / CMS

 

A Câmara de Salvador aprovou nesta terça-feira (30) a criação do Programa de Incentivo à Cultura –  Viva Cultura. Com o incremento de nove emendas da oposição, o texto foi aprovado quase à unanimidade, com a exceção do vereador Edvaldo Brito (PSD), que se absteve por discordar do formato da matéria, de autoria do Executivo.

Líder da oposição, o vereador Sílvio Humberto (PSB) aprovou o projeto com ressalvas. De acordo com o socialista, a tramitação em regime de urgência impediu que o projeto tivesse a devida atenção nas comissões de Constituição, Justiça e Redação Final; Finanças, Orçamento e Fiscalização; e Educação, Cultura, Esporte e Lazer.

Já o vereador Joceval Rodrigues (PPS), líder da bancada de governo na Casa, afirmou que a aprovação do Viva Cultura “é importante para embasar a cultura em diversos setores da cidade, principalmente nos diversos segmentos religiosos”.

Ainda na sessão desta terça, foram aprovados 88 projetos de lei, requerimentos, indicações e moções requeridas pelos vereadores.

PUBLICIDADE