Publicado em 05/12/2018 às 13h03.

Feirenses vão engordar os protestos da reforma

Grupo de empresários e lideranças de Feira de Santana decidiu ontem que vai marchar rumo ao Legislativo para manifestar a insatisfação com o que consideram um retrocesso

Levi Vasconcelos

O número de insatisfeitos contra as reformas de Rui Costa, já bastante expressivo ontem na Assembleia, vai ganhar mais gordura hoje. Um grupo de empresários e lideranças de Feira de Santana decidiu ontem que vai marchar rumo ao Legislativo para manifestar a insatisfação com o que consideram um retrocesso.

Segundo o prefeito Colbert Martins, o Centro Industrial do Subaé era municipalizado, até que João Durval, quando governador, resolveu estadualizar para ampliar sua dimensão:

— Temos lá 550 indústrias, entre pequenas, médias e grandes, com mais de quatro mil funcionários. O fim do CIS atinge Feira, Amélia Rodrigues, Conceição de Feira e Jacuípe. Confio que Rui Costa vai rever esta decisão.

Levi Vasconcelos

Levi Vasconcelos é jornalista político, diretor de jornalismo do Bahia.ba e colunista de A Tarde.