Publicado em 24/03/2019 às 18h00.

Governo federal gasta mais de meio milhão por ano com assessores de Lula

Mesmo preso, ex-presidente ainda tem direito a assessores e seguranças

Redação
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

 

Preso há quase um ano pela Lava Jato, em Curitiba, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) continua tendo direito a assessores e seguranças pagos pelo Estado.

Segundo informações da Folha de São Paulo, o valor desembolsado mensalmente pelo governo para manter os oito servidores indicados por Lula é de R$ 50 mil. Em um ano, esse gasto chega a R$ 600 mil.

Entre os oito servidores de Lula, sete são militares, com patentes de sargento a capitão. Eles trabalham com o ex-presidente desde a época em que o petista comandava o Palácio do Planalto.

Temas: assessores , Lula