Publicado em 09/12/2018 às 15h00.

Líder do movimento Endireita Brasil será ministro do Meio Ambiente

Presidente eleito Jair Bolsonaro escolheu Ricardo Salles para assumir a pasta; o advogado já foi secretário do Meio Ambiente em São Paulo durante a gestão de Geraldo Alckmin

Redação
Foto: Pedro Calado/Secretaria do Meio Ambiente
Foto: Pedro Calado/Secretaria do Meio Ambiente

 

O nome escolhido para assumir o Ministério do Meio Ambiente foi confirmado neste domingo (9) pelo presidente eleito Jair Bolsonaro. O escolhido foi o advogado Ricardo Salles.

Como de praxe, a indicação ocorreu através da conta oficial no Twitter do capitão reformado do Exército, que chegou a cogitar a extinção da pasta.

Ricardo é filiado ao partido Novo, lidera o movimento Endireita Brasil e já foi secretário estadual do Meio Ambiente em São Paulo, durante o governo de Geraldo Alckmin (PSDB).

Ele chegou a se candidatar a deputado federal este ano, nas não obteve votos suficientes para se eleger.

PUBLICIDADE