Publicado em 22/03/2019 às 17h24.

Líder do PSL defende permanência de Maia na articulação da Previdência

"O presidente Rodrigo Maia é o principal defensor da reforma da Previdência. Ele é uma pessoa indispensável", disse Delegado Waldir

Redação
Foto: Cleia Viana / Câmara dos Deputados
Foto: Cleia Viana / Câmara dos Deputados

 

A permanência do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, na articulação para a aprovação da reforma da Previdência foi defendida pelo líder do PSL na Casa, Delegado Waldir (PSL-GO).

Segundo ele, sem a participação de Maia a proposta terá “grandes dificuldades”.

“O presidente Rodrigo Maia é o principal defensor da reforma da Previdência. Ele é uma pessoa indispensável”, disse Waldir ao portal G1.

“O governo, o presidente da República, como chefe de Poder, tem que tratar com o presidente Rodrigo Maia, que é o meu presidente. Então ele tem que tratar dessa reforma com o presidente da Casa. É indispensável na condução desse processo o comando do presidente Rodrigo Maia. Se ele não estiver nesse projeto, a reforma da previdência terá grandes dificuldades”, completou.

O líder do PSL defendeu ainda que o governo monte uma base aliada e disse que hoje não há os votos necessários para aprovar a proposta de reforma. Esses temas seriam debatidos num almoço nesta sexta com o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, e com o presidente da CCJ, Felipe Francischini (PSL-PR).