Publicado em 21/06/2017 às 14h40.

Ministro da Justiça abandona entrevista após se irritar com pergunta

Torquato Jardim foi questionado se tinha assumido a pasta com a meta de “barrar a Lava Jato”

Redação
 O presidente em exercício, Michel Temer (PMDB)(d), cumprimenta o novo ministro da Transparência, Fiscalização e Controle, Torquato Jardim (e), durante cerimônia de posse realizada no Palácio do Planalto, em Brasília, nesta quinta- feira, 2. 02/06/2016 - Foto: ANDRÉ DUSEK/ESTADÃO CONTEÚDO
Foto: André Dusek/Estadão Conteúdo

 

O ministro da Justiça, Torquato Jardim, se irritou com uma pergunta e abandonou a entrevista que concedia à Rádio Gaúcha nesta quarta-feira (21).

De acordo com o jornal Estado de São Paulo, o aliado do presidente Michel Temer (PMDB) foi questionado se teria se tornado ministro para “barrar a Lava Jato”. Torquato disse que era “uma teoria esquizofrênica”, tirou o fone do ouvido e foi embora.

Torquato Jardim assumiu o Ministério da Justiça em maio deste ano, no lugar do deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR).

PUBLICIDADE

Mais notícias