Publicado em 13/05/2019 às 08h59.

Na China, Rui assina acordo que prevê investimento de U$ 7 bilhões na Bahia

Projeto contempla a revitalização do Porto de Aratu, além da construção de parque industrial com siderúrgica e usina de energia

Redação
Foto: Diego Mascarenhas/GOVBA
Foto: Diego Mascarenhas/GOVBA

 

O governador Rui Costa (PT) assinou na manhã desta segunda (13), em Pequim, um memorando de entendimento entre o governo da Bahia e a chinesa Easteel.

A empresa pretende investir na Bahia U$ 7 bilhões para  implantar um projeto de desenvolvimento integrado que deve gerar mais de 30 mil empregos diretos.

Segundo a assessoria da gestão estadual, a iniciativa contempla a construção de um grande parque industrial integrado, que será composto por siderúrgica, usina de energia e diversas unidades fabris, a exemplo de uma fábrica de cimento capaz de produzir anualmente 5 milhões de toneladas.

Também compõem o planejamento da Easteel a revitalização do Porto de Aratu, com aplicação de sua capacidade de movimentação e a construção de uma cidade inteligente nas proximidades do parque industrial voltada aos trabalhadores da empresa e seus familiares.

A missão baiana em solo chinês continua nesta terça (13) com dois encontros com empresas interessadas no projeto da Ferrovia de Integração Oeste Leste e na ponte Salvador- Itaparica. Os compromissos no país asiático seguem até a próxima quarta (15), na cidade de Shenzen.