Publicado em 29/06/2017 às 17h30.

Prefeitura cortará ponto de funcionários que aderirem à greve geral

O Executivo municipal informou, em nota, que o expediente das repartições públicas ocorrerá normalmente e que os servidores terão que justificar a ausência, em caso de falta

Redação
Foto: Enlo Prado/Divulgação
Foto: Enlo Prado/Divulgação

 

A Prefeitura de Salvador decidiu, nesta quinta-feira (29), que cortará o ponto dos servidores que faltarem ao trabalho, nesta sexta (30), dia de greve geral organizada por centrais sindicais em todo o país.

O Executivo municipal informou, em nota, que o expediente das repartições públicas ocorrerá normalmente. Faltosos que justificarem a ausência terão os casos avaliados individualmente.

No último ato programado por entidades sindicais, em 28 de abril, a prefeitura também não suspendeu o funcionamento e ofereceu táxi para que os servidores fossem trabalhar.