Publicado em 07/12/2017 às 14h40.

PSOL e Rede pedem cassação de Lúcio Vieira Lima ao Conselho de Ética

Os partidos de oposição apresentaram uma representação na qual defendem que houve quebra de decoro parlamentar do peemedebista

Redação
Foto: Izis Moacyr/ bahia.ba
Foto: Izis Moacyr/ bahia.ba

 

Os partidos de oposição PSOL e Rede apresentaram ao Conselho de Ética da Câmara, nesta quinta-feira (7), uma representação na qual pedem a cassação do deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB) por quebra de decoro parlamentar.

Na terça (5), a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) o recolhimento noturno do peemedebista, além da prisão domiciliar de Marluce, mãe de Lúcio e de seu irmão, o ex-ministro Geddel Vieira Lima.

Marluce e os dois filhos foram denunciados por associação criminosa e lavagem de dinheiro. A acusação é referente ao bunker de R$ 51 milhões, atribuído a Geddel, descoberto pela Polícia Federal (PF) em um apartamento em Salvador.

PUBLICIDADE