Publicado em 10/10/2017 às 08h45.

Rui e a Ilhéus-Itabuna, a desconfiança que paira

A Valec, a estatal das ferrovias, anunciou o fechamento do seu escritório em Ilhéus dizendo que vai preferir concentrar esforços a partir de Jequié

Levi Vasconcelos

Com 40 anos de promessas nunca cumpridas, a duplicação dos 18 kms da BR-415 que ligam Ilheús a Itabuna, cuja ordem de serviço foi assinada ontem, é vista com desconfiança por jornalistas ilheenses e grapiúnas, que ontem abordaram o governador Rui Costa sobre o fato:

— Mas agora sai. Sai porque o governador se chama Rui Costa.

O último a prometer, com direito a vídeo viralizado nestes tempos de redes sociais, foi Jaques Wagner. A responsabilidade de Rui é dobrada.

Valec muda

As desconfianças são adubadas por outros fatos. A Valec, a estatal das ferrovias, anunciou o fechamento do seu escritório em Ilhéus dizendo que vai preferir concentrar esforços a partir de Jequié.

A questão é que entre Barra do Choça e Ilhéus a Fiol já tem 30% pronta.

Levi Vasconcelos

Levi Vasconcelos é Jornalista político, Diretor de Jornalismo do Bahia.ba, e titular da Coluna Tempo Presente do Jornal A Tarde.

PUBLICIDADE

Mais notícias