Publicado em 20/01/2018 às 09h25.

Secretário de Neto critica Inema e cortes no bambuzal do Aeroporto

André Fraga disse que instituto estadual é “carimbador das vontades do governador” Rui Costa: “Querem destruir um elemento simbólico da nossa cidade”

Rodrigo Daniel Silva
Fotos: Ângelo Pontes / Agecom
Fotos: Ângelo Pontes / Agecom

 

O secretário municipal de Cidade Sustentável, André Fraga (PV), criticou, neste sábado (20), o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) e a decisão da CCR Metrô de cortar parte do bambuzal do Aeroporto de Salvador.

“Não basta abandonar os parques de Pituaçu e Abaeté. Não basta despejar esgoto nas nossas praias. O Governo do Estado agora quer destruir um elemento simbólico da nossa cidade. É a velha mentalidade desenvolvimentista do século 19”, condenou, em uma postagem na rede social.

O titular de Cidade Sustentável disse ainda que o Inema – órgão estadual – é hoje “carimbador das vontades do governador” Rui Costa (PT).

“Seguem ainda ignorando e desrespeitando o município, licenciando uma intervenção como essa pelo Inema, que hoje só faz carimbar as vontades do governador. Qual será a compensação? Não havia alternativa locacional? Onde estão os arquitetos, ONGs, e “defensores da cidade”, que se levantam ao menor projeto da prefeitura, agora?”, questionou.

 

andre_fraga_critica_inema_governador