Publicado em 07/12/2017 às 14h00.

Temer libera R$ 500 milhões para sindicatos em troca da Previdência

Governo irá baixar portaria para liberar verbas do imposto sindical retidas na União, segundo coluna

Redação

CUT vigilia

 

Em troca de apoio para aprovação da reforma da Previdência, o presidente Michel Temer (PMDB) irá baixar portaria para liberar R$ 500 milhões em verbas do imposto sindical que estavam retidas na União, de acordo com a coluna Painel, da Folha.

O valor corresponde a um acordo entre as entidades, o Ministério Público, a Caixa Econômica Federal e o governo. Quem assinará o texto é Ronaldo Nogueira, ministro do Trabalho.

PUBLICIDADE