Publicado em 11/08/2017 às 16h00.

Ambulante é detido por Guarda Municipal durante apreensão

Corporação defende que alguns agentes tentaram impedir a captura de mercadorias ilegalmente comercializadas; vendedor foi levado à Delegacia dos Barris

Redação

Um vendedor ambulante foi detido pela Guarda Municipal, nesta sexta-feira (11), após suposto enfrentamento a um ato de apreensão de mercadorias, coordenado pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), no bairro do Canela.

Alguns profissionais, de acordo com a corporação, tentaram impedir que o material fosse apreendido, o que provocou a detenção de um deles. Os agentes chegaram a disparar tiros de bala de borracha para cima para dispersar o tumulto.

O vendedor foi levado para a 1° Delegacia Territorial (DT/Barris), mas não há detalhes sobre a situação dele.

Regime Disciplinar da Guarda Municipal – Os membros da corporação terão que cumprir determinadas obrigações e estão suscetíveis a penalidades, após decisão da Câmara Municipal de Salvador (CMS), na última segunda (7).

A matéria foi votada depois que o vereador Toinho Carolino (Podemos) sofreu agressão por parte de um agente. Presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Redação Final do Legislativo, Paulo Magalhães (PV) disse que o projeto dá “limites” à Guarda Municipal.