Publicado em 18/05/2019 às 13h00.

Com mais duas vítimas, gripe matou seis pessoas na capital no mês de maio

Dessa vez, um idoso e um bebê morreram; Dia D da vacinação contra a doença acontece neste sábado (18)

Redação

 

Foto: Reprodução / Agência Brasil
Foto: Reprodução / Agência Brasil

 

Um idoso de 62 anos e um bebê de 5 meses morreram vítimas de gripe, em Salvador. A informação foi divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), na manhã deste sábado (18).

De acordo com o órgão, com esses dois casos, sobe para 8 o número de mortes causadas pela doença na capital baiana, este ano.

Ainda segundo a SMS, o idoso que morreu morava no bairro de Itapuã e foi vítima de influenza A. No entanto, o órgão ainda aguarda resultado do exame laboratorial para verificar o subtipo do vírus. Já o bebê, morava na Liberdade e estava com H1N1.

Seis das oito mortes por gripe registradas em Salvador este ano ocorreram no mês de maio. Sete das vítimas faziam parte do grupo prioritário da campanha de vacinação, mas não foram imunizadas.

Vacina

A capital baiana recebe neste sábado  o novo Dia D de vacinação contra gripe. A dose protege contra os vírus do H1N1 e do H3N2, que já mataram seis pessoas em Salvador este ano, além de cepa de Influenza B.

De acordo com a SMS, a meta da ação é proteger pelo menos 90% da população elegível e, para isso, 189 pontos de imunização entre postos de saúde e locais de grande circulação de pessoas como shoppings, supermercados, creches, associações, igrejas e estações de transbordo estarão disponíveis para imunizar os grupos prioritários das 8 às 17 horas.

PUBLICIDADE