Publicado em 20/04/2017 às 09h48.

Rodoviários prometem aderir à greve geral e parar no dia 28

A informação foi confirmada ao bahia.ba pelo vice-presidente do sindicato da classe, Fábio Primo; proposta é para que coletivos sequer saiam das garagens

Mateus Soares
Foto: Divulgação/Sindicato dos Rodoviários
Foto: Divulgação/Sindicato dos Rodoviários

 

Os rodoviários de Salvador prometem paralisar as suas atividades na próxima sexta-feira (28), data marcada por sindicatos de várias categorias para promover uma greve geral no país, em protesto contra as reformas trabalhista e previdenciárias propostas pelo governo de Michel Temer (PMDB).

A informação foi confirmada ao bahia.ba pelo vice-presidente da entidade de classe, Fábio Primo. “Certamente, os rodoviários vão aderir à paralisação”.

Em outro ato no fim do mês passado, os coletivos funcionaram no regime de “operação padrão”, em que os motoristas circulam em fila única e param em todos os pontos. Desta vez, a proposta é de que os veículos não saiam das garagens.