Publicado em 02/04/2020 às 13h05. Atualizado em 02/04/2020 às 16h09.

CMS: com fim de janela partidária, vereadores definem troca de partido

Prazo para parlamentares trocarem de legenda sem perder o mandato termina nesta sexta-feira (3)

Matheus Morais
Foto: Jefferson Peixoto
Foto: Jefferson Peixoto

 

Com o fim da janela para trocas partidárias nesta sexta-feira (3), período no qual os vereadores que concorrerão à reeleição ou ao cargo de prefeito podem mudar de partido sem perder o mandato eletivo, os parlamentares soteropolitanos também encerram as articulações para concorrer no pleito de outubro. A eleição municipal será a primeira disputada após o fim das coligações partidárias.

O vereador licenciado Alberto Braga, por exemplo, deixou o PSC e ingressou no Republicanos, antigo PRB. Carlos Muniz saiu do Podemos e se filiou ao PTB, do ex-deputado federal Benito Gama. Já Téo Senna, saiu do PHS e oficializou sua filiação ao PSDB. Bem como Daniel Rios, que trocou o MDB pelo Patriota.

O bahia.ba apurou que outros nomes importantes do Legislativo soteropolitano também devem trocar de legenda como o líder do governo na Casa, Paulo Magalhães Jr., que deixará o PV e possivelmente desembarcará no DEM, do prefeito ACM Neto. Henrique Carballal também deixa a sigla, contudo ainda não definiu seu destino.

Outro nome que deve ingressar no DEM é o vice-presidente da Câmara, Kiki Bispo (PTB). Além dele, o emedebista Pedro Godinho também poderá entrar na sigla. Orlando Palhinha, Vado Malassombraso e Maurício Trindade (DEM) se articulam para deixar o DEM, mas ainda fazem mistério sobre seus novos partidos.

Geraldo Jr. de olho no MDB

Já o presidente da Casa, Geraldo Jr. (SD) – que poderá ser vice do pré-candidato do DEM a prefeito da capital, Bruno Reis, –  é cotado para ingressar no MDB, do ex-deputado federal Lúcio Vieira Lima. O vereador Fábio Souza (PHS) é dado como nome certo no Solidariedade.

Cátia Rodrigues (PHS) deixará a legenda mas não revelou  seu destino. Isnard Araújo (PHS) deve voltar para o Republicanos, antigo PRB. Já Ana Rita Tavares (PMB) poderá entrar no PT, do governador Rui Costa.

Velhos conhecidos

Como em todas as eleições, caras conhecidas do eleitor soteropolitano como os exs-vereadores Pedrinho Pepê (MDB), Euvaldo Jorge (Cidadania) e Leo Kret do Brasil (DEM) marcarão presença no pleito municipal, disputando uma vaga na Câmara de Salvador.

 

PUBLICIDADE