Publicado em 10/02/2020 às 16h23.

Gabrielli defende prévias para definir nome do PT para eleições municipais

Ex-presidente da Petrobras comentou preferência de Rui pela major Denice para representar o PT nas eleições

Breno Cunha / Estela Marques
Foto: Breno Cunha/ bahia.ba
Foto: Breno Cunha/ bahia.ba

 

O ex-presidente da Petrobas, Sergio Gabrielli, defendeu as prévias como método de escolha do nome que representará o PT nas eleições municipais em Salvador. O petista já havia saído na mesma defesa em 2014, quando disputava com Rui Costa a sucessão de Jaques Wagner.

Homenageado na sessão em comemoração aos 40 anos de fundação do partido na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) nesta segunda-feira (10), Gabrielli destacou que é preciso que o diretório municipal defina como vai ser o processo de escolha da candidata ou do candidato. Não é apenas o governador indicar, por exemplo. A declaração é uma referência à preferência de Rui pela major Denice Santiago como cabeça da chapa.

“Legítimo o governador ter um candidato e apresentar esse candidato ao PT. Acho que a major Denice é a pessoa que tem contribuições importantes para a luta contra a violência contra a mulher, a violência doméstica. A Ronda Maria da Penha é um excelente programa que tem que ser elogiado. Portanto, a major Denice tem todas as credenciais para entrar no PT como militante do movimento social. Agora, como todo militante, para ser escolhido candidato tem que passar pelos processos internos de escolha”, afirmou.

De acordo com Gabrielli, os processos serão definidos no próximo sábado (15).

PUBLICIDADE