Publicado em 11/02/2020 às 11h41.

Prates diz que sentiu ‘falta’ de ACM Neto em evento que selou seu ingresso no PDT

Ato ocorreu na manhã desta segunda-feira, no auditório da União dos Municípios da Bahia (UPB), no Centro Administrativo da Bahia

Alexandre Santos / Matheus Morais
Foto: Matheus Morais/bahia.ba
Foto: Matheus Morais/bahia.ba

 

O secretário municipal de Saúde e pré-candidato a prefeito de Salvador, Leo Prates, afirmou sentir “falta” do prefeito ACM Neto (DEM) no evento no qual selou seu ingresso no PDT.  O ato ocorreu nesta segunda-feira (11), no auditório da União dos Municípios da Bahia (UPB), no Centro Administrativo da Bahia, na capital.

“Me faz falta ele aqui nesse momento. Mas compreendo o momento dele, a escolha dele”, declarou Prates ao bahia.ba.

Ele também voltou a repetir o discurso de que, mesmo na sigla brizolista, se manterá na base do padrinho político e atual chefe do Palácio Thomé de Souza.

“Me mantenho na base do prefeito ACM Neto. Tenho gratidão no meu coração. Não está em meu caráter a ingratidão. Mas o prefeito é um democrata”, acrescentou.

Acompanhado dos presidente nacional e estadual da legenda, Carlos Lupi, e o deputado federal Félix Jr., respectivamente, Prates disse que seu ingresso no PDT é “um sonho realizado”.

 

PUBLICIDADE