Publicado em 14/02/2020 às 11h01.

Robinson reafirma pré-candidatura e defende estratégia de pulverização

Deputado petista concordar com a tese de que o governador Rui Costa tenha à sua disposição ao menos três nomes disponíveis

Alexandre Santos / Matheus Morais
Foto: Matheus Morais/bahia.ba
Foto: Matheus Morais/bahia.ba

 

O deputado estadual Robinson Almeida (PT) afirmou nesta sexta-feira (14) que se mantém como pré-candidato a prefeito de Salvador mesmo diante da possível postulação da Major Denice, escolhida pelo governador Rui Costa como potencial nome do partido a disputar o pleito.

“Estamos conversando. O PT vai fazer uma reunião importante amanhã no diretório [estadual] Eu ainda não tenho a definição de qual vai ser o método de escolha de candidato, só a partir de amanhã. Vamos fazer o debate interno. O que eu defendo é um método ágil, que a gente possa aí rapidamente, com a pré-candidatura, conversar com a sociedade e poder enfrentar e derrotar Bruno Reis”, declarou Almeida ao bahia.ba, durante inauguração da Unidade de Saúde da Família (USF) do bairro de Cajazeiras. O evento contou com as presenças do prefeito ACM Neto (DEM) e de Rui.

O parlamentar diz concordar também com a tese de que o governador tenha à sua disposição ao menos nomes de espectros políticos distintos.

“A base tem que ter três candidaturas. Uma mais à esquerda, uma mais ao centro e a candidatura de Isidório [deputado federal]. Porque aí vamos provocar o segundo turno, e aquele que for pro segundo turno unifica a base do governador Rui”, disse Almeida.

PUBLICIDADE